Searching...
27 de outubro de 2012
sábado, outubro 27, 2012

No Espaço do Fã dessa semana: NanDynhow!

É sábado!! Dia de conhecer mais um fã da Angélica. O nosso entrevistado de hoje faz parte do time de fãs que tem a oportunidade de ir as gravações e além de conhecer a loira, dividi algo em comum com sua ídola: a data de aniversário! Que loosho, né?! Antes de ler as respostas do Fernando, vamos deixar que ele se apresente: "Meu nome é Fernando Rodrigues, mais conhecido como NanDynhow Rodrigues. Tenho 24 anos, nasci em 30 de novembro de 1987 (Angélica também nasceu em 30/11) e moro na Cidade de Nova Iguaçu  no Rio de Janeiro".

Fernando Rodrigues, 24
anos, Nova Iguaçu/RJ

1) Conte como Angélica está presente na sua rotina. Angélica faz parte da minha rotina atualmente  através da Internet, na qual sempre fico atento as novidades da sua vida e carreira. Apesar de ouvir sempre os meus CD's, o que mais curto fazer é assistir vídeos antigos dela no YouTube.

2) Dificilmente você lembrara o dia em que começou a gostar da Angélica. Mas tente nos contar quando você percebeu que amava a nossa loirinha, que tipo de programa ela apresentava na época e qual idade você tinha. Quando criança curtia todas as apresentadoras infantis da época (Xuxa, Angélica, Mara e Mariane), porém, ao longo dos anos, fui cada vez mais me identificando com a "linguagem" e o carisma da Angélica. Mas foi no dia 30 de março de 2001 que oficialmente me declarei Fã da Angélica! Ela estava no ar em Bambuluá, eu tinha 13 anos de idade, e me recordo que na época, por já gostar tanto da Angélica, não me conformava vê-la apenas na novelinha que atuava no programa matinal.

3) Coleciona? Se sim, qual foi a primeira revista e/ou primeiro CD que você comprou dela? Sim. Mas acredito que já fui mais colecionador. Quando iniciei (em 30 de março de 2001) ganhei de uma colega na época, os LP's de 89 e 90, e uma foto original da Angélica de uma gravação do Angel Mix que ela havia participado em 1998. Em casa, eu já guardava um pôster dela publicado pelo Jornal Extra do RJ! Sinceramente, fica difícil lembrar qual foi a primeira revista que comprei dela, pois no início eu ganhava muito mais materais da Angélica do que comprava. E musicalmente falando, minha coleção começou pelos LP's que ganhei. Meu primeiro CD foi o de 1997, que comprei de uma garota que morava na minha rua (risos).

4) Nem todo amor é compreendido, ainda mais amor de fã. Como sua família entende esse seu amor? Eles apoiam ou nem sabem que você é fã da Angélica? No início passei por uma fase complicada pois, devido ao meu fanatismo em 2002, tive todo meu arquivo da Angélica queimado pelos meus pais, conseguindo salvar apenas algumas coisas. Lembro que tudo isso mexeu muito com o meu emocional e como ato de rebeldia afim de provar meu AMOR pela Angélica, me cadastrei no Fã-Clube Legião Angelical do Rio e em agosto de 2002 consegui ir na gravação do Vídeo Game escondido com a minha prima (falei para minha mãe que após a Escola iria fazer um trabalho em grupo na casa de amigos). Nessa gravação tive a sorte de participar da "Prova da Platéia" imitando um velhinho (tenho esse registro apenas em VHS) e, infelizmente, como fui como "fugitivo", não havia levado câmera para fotos. Ao chegar em casa muito tarde revelei toda a verdade para os meus pais, já que passaria na TV. Assumi minha mentira com uma emoção que não cabia dentro de mim (risos)! Eles me deixaram de castigo sem ver Angélica na televisão por uma semana, mas perceberam que não tinha como lutar contra essa admiração que ao longo dos anos foi se tornando cada vez mais intensa. Fui amadurecendo, me tornando um fã menos fanático e mais equilibrado. E assim, atualmente, tenho o respeito dos meus pais, que perceberam que é algo que me faz feliz. Hoje, quando passa alguma coisa na TV eles são os primeiros a me chamar para ver (risos).

5) Angélica dedicou grande parte de sua carreira a música. Dentre todas as músicas lançadas por ela, qual você mais gosta? Por quê? Nossa! É difícil escolher, hein?! Destaco algumas como: 'Não Dá Mais (1988) devido sua voz meiga na música, 'Calendário' e  'Amor Proibido' pelo ritmo balada.



6) Qual momento mais marcou a vida da Angélica e porquê? Escolha um momento para cada uma das opições: pessoal / apresentadora / atriz / cantora / outro.
  • Pessoal - Sem dúvidas a revelação da primeira gravidez e o nascimento do Joaquim.
  • Apresentadora - Início na Globo quando liderava as manhãs da emissora no comando do Angel Mix.
  • Atriz - Personagem Fada Bela de Caça Talentos. Apesar de ter feito outros trabalhos como atriz na Manchete e no SBT, foi com a atrapalhada fadinha que ela foi reconhecida como atriz.
  • Cantora - Seu último CD, lançando em 2001, por ser voltado totalmente ao público jovem e ser  desvinculado do trabalho que realizava na TV.
Não foi o primeiro encontro, mas a primeira foto. Momento inesquecível!
7) Alguns fãs tem o privilégio de manter contato com a nossa loira através das gravações, você é um desses sortudos! Quando você conheceu a Angélica pessoalmente (se possível, nós dê a data!)? Nesse momento tão especial, você já era um fã? Conte-nos um pouco como foi esse dia. Meu primeiro encontro foi em agosto de 2002 quando participei da "Prova da Platéia" no Vídeo Game (conforme relatado na pergunta nº 5), e só tive um momento com ela no palco. Somente em outubro de 2005, quando fui ao Vídeo Game pela segunda vez, que ocorreu o esperado encontro "fã e ídolo", no qual ela veio até a mim na plateia para pegar o meu presentinho (Livro sobre Anjos) e registramos a primeira foto. Mas, a partir de 2006 passei a participar das gravações de maneira mais contínua, participando algumas vezes da "Prova da Platéia" e de outros momentos bacanas ao lado da Angélica e dos amigos angelicais que fiz ali ao longo desses anos.




Acima, três das participações que o NanDynhow fez no Vídeo Game

8) Qual momento ao lado dela foi o mais marcante para você? Queremos saber quando aconteceu e que nos conte como foi esse dia. Todo e qualquer momento ao lado da Angélica se torna especial, pode acreditar! Porém o que mais me marcou foi quando realizamos uma festa em comemoração ao aniversário dela. [Na ocasião,] ela fez "aviãozinho" levando bolo à minha boca, pelo fato de fazermos aniversário no mesmo dia. Foi um momento mágico pra mim, pois jamais sonhei viver algo parecido com ela.

Além de dividir a data de aniversário com a loira, dividiu o bolo da festa com direito a "aviãozinho". "Você também
faz aniversário dia 30, somos 'sagitarianas'!", brincou Angélica antes de dar o pedaço de bolo para ele (risos).
9) Em que momento a Angélica serve de exemplo ou como uma amiga mesmo não estando presente? Através das mensagens transmitidas em suas canções que nos coloca pra cima, incentiva a prática do bem ou até mesmo pelas canções românticas que tocam muito o meu coração.

10) O que mais admira na Angélica? Admiro sua simplicidade, espontaneidade e simpatia. Acho incrível o quanto ela é gente como a gente, ela não é deslumbrada com o estrelismo da fama.

11) Defina Angélica em uma palavra. Iluminada Explicando: Angélica é uma verdadeira Estrela, não apenas pela fama que conquistou, e sim pela pessoa que é. Seu olhar e sorriso nos envolve divinamente.

12) Você se incomoda com os boatos? Não me incomodo com os boatos e nem com as comparações  que a mídia ou as pessoas fazem em relação a Angélica. Pois ao longo desses anos já tá mais do que comprovado que talento e competência ela tem e isso ninguém tira dela.

13) Algo que você ainda quer ver a Angélica fazendo. Sonho em ver a Angélica fazer um programa de variedades, em que ela possa explorar nele tudo que já realizou ao longo da sua trajetória na TV. Não curto muito o formato do Estrelas, pois acho que nele ela fica muito presa a fazer somente entrevistas.

Algumas das muitas fotos que NanDynhow tirou com a Angélica.
14) Participar das gravações conta com toda adrenalina de estar perto de seu grande ídolo, estar com os amigos e tudo mais. Naquele momento, quais as emoções que você sente por saber que ela está tão perto? Já conseguiu driblar o nervosismo e dizer para a Angélica o quanto ela é importante pra você? Qual foi a coisa mais especial que ela te disse nesses encontros? Como andei meio afastado das últimas gravações do Vídeo Game devido ao trabalho, em agosto desse ano tive a oportunidade de reencontra-la após um ano em uma gravação externa do Estrelas aqui no Rio. A emoção que me dominava naquele momento era de matar. A saudade de quem admiro muito e se tornou muito especial pra mim. A emoção de reencontra-la nesse dia foi como se tivesse vendo ela pela primeira vez. Fiquei muito emocionado, expressei minha saudade através de um "gostoso" abraço e disse: "Poxa, que saudade de você Rainha! Já faz um ano que não a via." Ela olhou dentro dos meus olhos (como sempre faz e me "mata" (risos)), franziu a testa e questionou: "Já faz um ano? Nossa!". Confesso que sempre que posso ressalto pra ela o quanto a amo e o quanto ela é especial pra mim.

15) Como e quando conheceu o blog Angelical Touch? Acredito que foi através de indicação dos amigos Fãngélicos! Aliás, aproveito para parabenizá-lo pelo dedicação na qual você tem pelo que faz no blog, sempre antenado em tudo que a nossa Diva faz, fazendo dele um sucesso! Parabéns Mateus Luz!

16) Além da Angélica, gosta/coleciona outro artista? Sim. Jay Vaquer, Cauã Reymond e Christian Chávez. Acredito que o fato de ser fã da Angélica a tantos anos não em impede de admirar os artistas no qual me identifico, porém, a minha admiração por ela é algo incomparável aos demais. É fato que ela é o meu Amor Maior, pois já fiz e faço por ela coisas que até duvido! (risos).

Mateus, obrigado pela oportunidade! Fiquei mega feliz em participar!
Abração! E vem logo pro RJ! Te esperamos aqui... (risos).

O mais recente encontro com a loira. Carinho na pequena Eva que ainda tava na barriga.
FIM!

NanDynhow, muito obrigado por dividir suas histórias, fotos e vídeos dos momentos que passou ao lado da Angélica. Desculpa por não ter entrado em contato com mais tempo, mas, ainda assim, nos entregou uma entrevista sincera e que passa o verdadeiro espírito do fã: fazer coisas que o coração manda e que nem sempre tem sentido para os outros. Admiro isso! Nos vemos em breve! ;)

E aí, curtiram o nosso entrevistado? Quer ser o próximo? Então nos envie um e-mail clicando aqui. Conheça nossa página dedicada aos fãs aqui, adicione-a aos seus favoritos, e participe ativamente! Envie sua sugestões de perguntas para o nosso e-mail (aqui) ou deixe sua sugestão nos comentários. Você poderá ser o próximo!

1 comentários:

  1. Linda a entrevista e sincera!
    Acompanhei um pouquinho dessa fase do Nandynhow, e fui eu a pessoa mencionada na entrevista que deu a primeira foto original... Me deixa muito feliz o fato de ele poder estar sempre próximo a Angélica,o que faz valer a pena todo o carinho e admiração que ele tem por ela...
    Parabéns amigo!
    Te adoro!

    ResponderExcluir

LEIA AS REGRAS:
Todos os comentários são lidos e moderados previamente.
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto do post;
- Ofensas ao dono e aos leitores não são aceitas;
- Os artistas citados no texto não podem sofrer nenhum tipo de ofensa nos comentários;
- Deixe o link do seu blog para que eu possa visitá-lo.

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do blog.

Obrigado pela visita, volte sempre!!

 
Back to top!