Searching...
8 de dezembro de 2012
sábado, dezembro 08, 2012

No Espaço do Fã dessa semana: Raquel Bonfá!

O nosso Espaço do Fã, após um tempo de espera e muita expectativa, traz para vocês as opiniões, histórias e fotos da Raquel. Para quem ainda não sabe, Raquel é moderadora no Twitter do Turma da Angélica e Clube do Huck. Além disso, ela mantém atualizado os blogs dos respectivos Twitters, veja aqui e aqui. No tempo livre, quando não estava nas gravações do Vídeo Game, enviou para alguns fãs espalhados pelo Brasil, fotos autografadas pela Angélica, porém com um diferencial: cada autografo era exclusivo trazendo o nome do fã escrito pela própria loira.

Além disso, Raquel faz parte do trio de fãs que reuniram forças e iniciaram a campanha #EstrelasNacional que posteriormente ganhou uma petição que foi assinada por Angélica e Luciano Huck. Bem, melhor eu parar de falar e deixar que vocês conheçam a Raquel por ela mesma: "Oi gente! Oi Mateus <3 Me chamo Raquel Bonfá do Nascimento, tenho 23 anos e moro no bairro de Jacarepaguá, Rio de Janeiro. Sou formada em pedagogia, e assim sendo, sou professora. Sou uma das moderadoras do @turmadaangelica".

Raquel Bonfá, 23 anos, Jacarepaguá/RJ (@bonfaraquel)

1) Conte como Angélica está presente na sua rotina. Angélica é parte constante na minha rotina. Todos os dias assim que acordo vou em todas as suas redes sociais me manter atualizada. Meu celular parece mais um escritório da Angélica, baixei um aplicativo do Twitter só para o Twitter dela e do Turma, assim, quando a mesma atualiza ele me avisa. Além do mais tenho, acredito eu, a grande maioria das músicas da própria na minha set list do celular/mp4. A música do meu despertador é 'Terra do Nunca' e se algum dos meus amigos do Turma me liga toca 'Amigos Pra Valer'. Minha mãe morre de rir, porque ela sabe que quando toca Angélica é aquela momento que eu não saio fácil do telefone (risos).

2) Dificilmente você lembrara o dia em que começou a gostar da Angélica. Mas tente nos contar quando você percebeu que amava a nossa loirinha, que tipo de programa ela apresentava na época e qual idade você tinha. Eu sempre estudei na parte da tarde em toda a minha infância/adolescência, e sempre almoçava assistindo Angélica antes de ir pra escola. Na época era Angel Mix, aquelas brincadeiras gostosas, adorava quando a Angélica conversava conosco, me sentia mais próxima, mesmo sabendo que ela estava longe, bem longe! Sempre fui apegada mais nela, porque minha mãe sempre gostou muito dela. Almoçava correndo pra minha mãe não desligar a TV alegando que eu estava atrasada pra aula, ou coisa parecida. Lembro também da FEBRE Fada Bela. Na época teve uma festa a fantasia na minha escola e minha mãe fez a roupa pra mim. Eu fui toda feliz e contente pela rua cantarolando, me sentindo a própria Angélica. ALOCA!

3) Coleciona? Se sim, qual foi a primeira revista e/ou primeiro CD que você comprou dela? Coleciono muito pouco. Meu primeiro CD foi o de 1996, que ganhei da minha madrinha. Minha mãe relembrou que eu ficava igual uma louca em frente ao som parada segurando o CD em mãos. Outro que também ganhei foi o de 1998. Mas o de 1998 minha mãe emprestou e nunca mais eu vi. O de 1996 eu levei para a Angélica autografar e ela morreu de rir quando eu falei: "Angel, eu adorava a Dança dos Limões, dancei no Jazz e tudo". Nesse momento ela falou: "Meu Deus, eu to ficando velha então". Agora com o avanço da tecnologia eu tenho todos os CDs gravados em um único DVD. As revistas? Já fui de comprar muito, de colecionar mesmo, mas hoje em dia não compro muitas não, depende. Ano passado eu comprei quase todas, fui parar longe por uma, para ela autografar. Tá tudo muito caro né gente? Aloca.

4) Nem todo amor é compreendido, ainda mais amor de fã. Como sua família entende esse seu amor? Eles apoiam ou nem sabem que você é fã da Angélica? Então, minha família é meu pai e minha mãe pra mim, mas isso não vem ao caso. Meu pai é muito empolgado, minha mãe tem ciúmes, muitos ciúmes. Ela fica irritada quando eu falo muito da Angélica, fica mandando eu trocar a fita mas é só ela ganhar um abraço que morre de rir. Meu pai pensa que eu sou BFF da Angélica. Fica pedindo para eu falar isso e aquilo com ela, é mole? Acho que eu puxei dele esse lado de sonhadora demais. Minha mãe já brigou muito comigo, não entendia e me proibia de ir vê-la e olha que eu moro a 10/15m do Projac. Porém, ela já viu que não vale a pena me prender, eu sei separar as coisas.

5) Angélica dedicou grande parte de sua carreira a música. Dentre todas as músicas lançadas por ela, qual você mais gosta? Por quê? É muito difícil escolher apenas UMA dela, muito mesmo! Mas eu amo demais 'Ponto Forte' (1993). Quando estou pra baixo e chateada com alguma coisa, escuto e no mesmo momento eu sei que ela é que me reergue. Em algumas cartas e presentes que entreguei a Angélica, eu sempre escrevia uma parte dessa música. Amo demais! As músicas da Angel são um combustível para as minhas turminhas, ela tem música pra qualquer ocasião.



6) Qual momento mais marcou a vida da Angélica e porquê? Escolha um momento para cada uma das opções: pessoal / apresentadora / atriz / cantora / outro.
  • Pessoal - Sem sombra de dúvidas a maternidade. Lembro dela anunciando a gravidez no Fantástico, com os olhos brilhando. E as crianças são as coisas mais lindas, acho que ela tá muito realizada. Muito mesmo!
  • Apresentadora - Eu sinto saudades do Fama, cê acredita? Adorava assistir. Mas eu gosto muito dela no Estrelas, apesar de achar o programa com uma duração curta. Vejo ela se soltar em algumas entrevistas e outra: ela sabe arrancar algumas coisas com uma delicadeza e simpatia que não vejo isso em mais ninguém. Ela é ela ali, a Angélica mesmo, ela se entrega.
  • Atriz - Ai, Fada Bela, né? Quem vai se esquecer de Caça Talentos? Quem vai? Mas gostei muito da participação dela em As Cariocas e em Um Anjo Caiu do Céu. Gosto dela como atriz, acho engraçada e provocadora.
  • Cantora - Eu era neném, mas pelo o que ouço minha mãe falar e me contar, o primeiro álbum dela, que veio o Vou de Táxi de presente para todos, surpreendeu muito.
Raquel, com a ajuda do fã-clube Turma da Angélica, tira sua primeira foto com a loira. Inesquecível!
7) Alguns fãs tem o privilégio de manter contato com a nossa loira através das gravações, você é um desses sortudos! Quando você conheceu a Angélica pessoalmente (se possível, nós dê a data!)? Nesse momento tão especial, você já era um fã? Conte-nos um pouco como foi esse dia. A primeira vez a gente nunca esquece, não dizem isso? Mas eu preferiria esquecer (risos)! Fui, em 2007, no Vídeo Game. Sempre pedia a minha mãe, até que meu tio conseguiu convite e fui com a minha tia e minha prima. Eu fiquei muito ansiosa lá embaixo, na concentração, e fui a última a pessoa a subir para o estúdio. Isso me matou! Sentei mega longe dela e na última fileira da plateia. O Ivo animou a plateia, gravamos a plateia e depois eis que surge ela. Eu não tive palavras, eu só consegui gritar e depois não conseguia falar mais nada porque caí no choro. Levei um caderninho pra ela autografar, porque naquela época era a maquina de filmes e eu odiava mexer. Teve uma pausa, e ela foi pro cantinho, e eu fui junto. Ela estava dodói no dia e não conseguia chamar a atenção dela. Quase no final da gravação vi ela voltando para o estúdio, depois de uma pequena pausa e tirando fotos com o Turma, que na época não conhecia ninguém. Não consegui nada, foto, autografo e muito menos um olhar. Voltei pra casa triste, chorava muito e minha mãe falava: "Calma Raquel, o mundo não acaba aqui, você ainda vai conseguir". E foi dito e feito, palavra de mãe, né?! Conheci o Turma em 2009, e a primeira pessoa que eu tive contato foi o George pelo antigo e saudoso Orkut. Eu conheci eles por um vídeo no YouTube bem no final do ano e não tinha mais como ir em nenhuma gravação. Continuei meu contato com George, que me recebeu muito bem, e na primeira gravação do ano de 2010 eu estava lá. E então conheci todo mundo.

Momento marcante 1: Raquel conhece o camarim de Angélica durante intervalo das gravações do Game.
8) Qual momento ao lado dela foi o mais marcante para você? Queremos saber quando aconteceu e que nos conte como foi esse dia. Nossa! É muito difícil escolher um momento marcante, mas são dois momentos! Um foi a ida ao camarim. Ela me mostrou tudo e ainda conversou um pouquinho comigo pelo fato de ter outra gravação depois. Subi realizada pro estúdio e quando eu cheguei lá todos os meus amigos da Turma me receberam com tanta alegria que eu queria que todos estivessem comigo. Somos uma família mesmo aqui no RJ. E o segundo foi o Criança Esperança do ano passado, que eu fui e fiquei lá do lado de fora, enfrentando seguranças, me escondendo pra ninguém me tirar e ela chegou. Sempre me inibo quando ela tá com o Luciano, mas eu nem precisei falar nada, ela me deu uma olhada do tipo: "Você aqui nessa chuva?". Eu só consegui falar: "Te espero na saída tá?". E ela: "Tá!", e continuou com o mesmo olhar de pessoa preocupada, mesmo. Nesse momento o segurança me retirou e eu pensei que não ia mais conseguir vê-la. Mas fã sempre dá um jeito, né? Subi para o espetáculo, vi a apresentação dela e do Luciano, e quando ela saiu do palco eu puxei meu amigo e saí correndo em direção ao mesmo lugar que estava antes. Cheguei lá, me escondi, e quando vi o carro disparei. No primeiro instante o segurança tentou me barrar, mas ela prontamente falou: "Pode deixar, eu a conheço". O segurança insistiu em me tirar e ela disse de novo: "Eu já falei que conheço, deixa!". Fui até ela, gente, eu estava tão molhada de chuva que eu fiquei com medo de encostar nela. Porém, ela me deu um puxão pra perto dela e não deu outra: "Menina, cê tá toda molhada, vai ficar resfriada, olha essa chuva". Eu só consegui olhar pra ela e falar: "Diva, eu to medicada, fica tranquila". Ela respondeu: "Vai pra casa, vai, tá chovendo muito". Só consegui dar um abraço nela e ajudar a entrar no carro. Teve uma gravação depois disso, umas duas semanas depois, e ela se lembrou de mim e falou: "Cê ficou resfriada né? Olha sua voz como tá, eu te avisei...". Posso com isso? Me senti protegida, querida por ela, sabe?!

Momento marcante 2: Raquel, molhada da chuva que caia no Rio, recebe o abraço carinhoso de sua diva Angélica .
9) Em que momento a Angélica serve de exemplo ou como uma amiga mesmo não estando presente? Angélica é muito guerreira, eu acho. Os olhos dela mostram tudo, o quanto ela lutou pelas coisas que ela sempre quis e ela me inspira muito nisso. Nas gravações eu sempre gostava de conversar com ela e contar algumas coisas engraçadas e ela morria de rir. Não só eu, mas tem muitos fãs do RJ que contam muitas coisas e ela ri pra caramba e fala: "Vocês não existem" e caí na gargalhada. Angélica é meu apego e meu dengo, ela sabe te cativar com um simples sorriso. Ela é muito companheira e quando gosta da pessoa, é fácil perceber isso.

10) O que mais admira na Angélica? O olhar e o sorriso.

11) Defina Angélica em uma palavra. ALEGRIA! Explicando: Angélica é muito alegre, muito feliz e isso traz com ela um sorriso maravilhoso, confortador! Ela não tem tempo ruim, a cada gravação era uma risada diferente, uma piada feita ali e aqui, uma brincadeira e uma conversa gostosa com a plateia. Angélica tem uma alegria, uma vontade de VIVER.

12) Você se incomoda com os boatos? BASTANTE! Mas to começando a me controlar, isso não me leva a lugar nenhum e eu sei muito bem quem é a minha ídola. Tem muita gente que mente, e mente feio!

13) Algo que você ainda quer ver a Angélica fazendo. Um show, ela cantando! Queria muito ter aproveitado mais essa fase dela, ir a shows, sabe? Comprar CD, pedir em rádio.

14) Você, junto com outras duas fãs, lançou a campanha e o abaixo-assinado para o Estrelas ser nacional; mantém atualizado os blogs Turma da Angélica e Clube do Huck; modera o Twitter do principal fã-clube da Angélica e do Luciano e ainda encontra tempo para ajudar outros fãs a conhecer Angélica nos tempos de gravação do Vídeo Game, além de enviar as fotos autografadas pelos angels espalhados por esse Brasil. Como é fazer tudo isso e receber o reconhecimento da Angélica e dos outros fãs por essas coisas que você faz? Ui! Cansei (risos). Brincadeiras a parte, eu me sinto muito feliz, muito mesmo! Nunca pensei que podia cuidar de um vínculo tão importante para nós fãs, mas a vida nos surpreende por alguns momentos. A campanha do Estrelas surgiu pelo fato de ver que havia muitos comentários durante o programa no Twitter do @turmadaangelica alegando que a Angélica fazia falta e que era um absurdo o programa não ser nacional. Muitas pessoas não entendem o fato de assistir pelo site online e então eu acordei: Ué, porque a Angélica não pode ser nacional se um programa depois dela ser? Porque uma corrida de Formula 1 é NACIONALMENTE transmitida e um programa que dá audiência não pode ser? Fiquei chateada a principio, mas logo depois passou e me deu vontade de correr atrás e fazer aquele sonho se tornar realidade. Angélica e Luciano assinaram e apoiaram a campanha, alguns da produção do Estrelas também, mas nada foi a frente, não desistimos não! Pretendemos ir mais além.

Os blogs foram presentes que eu recebi. Primeiro o Del, que era um dos moderadores principais  do Turma, teve que se afastar por motivos de estudos e como já estou formada, não me preocupo com isso, peguei para cuidar. É cansativo mas vale a pena! Angélica é muito bem vista pela imprensa e isso facilita. O do Luciano eu que tive a ideia. Antes de montar fui até ele pedir a permissão e ele só abriu um sorriso e isso me deu uma vontade imensa de ir alem e aqui estou. Moderar dois Fã-Clubes não é fácil. As vezes preciso ficar um pouco distante para colocar a cabeça no lugar se não eu surto. É muita informação de um lado e de outro.

Ajudar os fãs é uma obrigação de todos, se eu consegui todos podem conseguir! Adorava conhecer aqueles que vinham de longe, que me contavam histórias emocionantes e que lutaram para estar onde estavam. Por mais que ela não tirasse foto com todo mundo, eu e todo o Turma fazia questão dela tirar com aquele que veio de longe ou daquele que enfrentou tantas coisas para estar ali.

Os autógrafos foram ideia da minha mãe. Eu comentei com ela e ela me deu um gás para seguir em frente. No mesmo dia escrevi em forma de texto a minha ideia para a Angélica e levei alguns postais para ela autografar. A entreguei e pedi para que ela não autografasse nada antes de ler. Não demorou muito, ela voltou pra gravar e falou: "Adorei sua ideia, vamos fazer sim, daqui a pouco te entrego tudo". E em todas as gravações levava. A Le Postiche ficava doida comigo, pegava umas 15/20 fotos e entregava para a Angélica. Você acredita que eu ainda acho que a Angélica não gosta de mim? Que ela não leia isso (risos). Outro dia eu falei isso e ela disse: "Parou a bobeira, né?", e me apertou tão forte. Meus amigos do Turma também pedem para eu tirar esse pensamento da cabeça, que ela gosta sim de mim e se diverte com minhas "baguncinhas".

15) Como e quando conheceu o blog Angelical Touch? Conheci através do Fabrício. Ele sempre comentava comigo e eu sempre fuxicava seus tweets, mas você nunca vinha falar comigo e eu também não ia. Não sei como começou, mas admiro demais o seu trabalho! Já nos desentendemos, né? E isso só nos mostrou o quanto um é querido pelo outro. Gosto muito de você e quero muito que seu sonho se realize o MAIS rápido possível. Quero estar presente e no final de tudo merecer o prometido abraço.

16) Além da Angélica, gosta/coleciona outro artista? Gosto do Luciano, mas não coleciono não! Eu ganho muitas coisas dele, as revistas que ele saí alguém sempre me passa, ou compra pra mim, como as da Angélica também. Eu tenho um respeito muito grande pelo Luciano, mas não sei se isso é ser fã. Fico muito confusa com o meu sentimento por ele. Ele é muito sério, muito tímido e eu também sou quietinha. Quando o vejo não consigo falar muitas coisas, meus amigos que falam por mim e ele morre de rir. Acho que ele me reconhece, não sei, tenho medo de perguntar e ele falar: sei lá (risos). Mas sempre choro quando ele vai embora. Engraçado, né? Eu sou muito chorona! Se eles sorriem em uma foto no Instagram eu já to lá chorando e imaginando o momento. Não sei ser Raquel, sem ter eles. Não sei!

Raquel em seu penúltimo encontro com Angélica antes da loira entrar em licença-maternidade. 

FIM!

Raquel, muito obrigado por dividir suas histórias comigo e o pessoal que visita o blog. Tenho certeza que Angélica gosta muito de você e reconhece toda sua dedicação e carinho por ela. Não há dúvidas que ela sente esse amor e não há dúvidas que grande parte dos fãs angelicais, assim como eu, são gratos pelas tão importantes coisas que fez pela gente. O nosso desentendimento no passado é a prova do quanto nos gostamos por superar diferenças e voltar a sermos um para o outro como antes. Obrigado pela sua amizade! Que em breve possa te dar o prometido abraço.

Aproveitando, convido vocês para seguir o Clube do Huck no Twitter clicando aqui e aqui para acompanhar as atualizações do blog. Também espero vocês no Twitter do Turma da Angélica aqui e no blog do Turma clicando aqui. Não esqueça de assinar a petição para o Estrelas ser Nacional. Clique aqui, assine, divulgue passando a diante. A campanha ainda não acabou! #EstrelasNacional JÁ!

E aí, curtiram o nosso entrevistado? Quer ser o próximo? Então nos envie um e-mail clicando aqui. Conheça nossa página dedicada aos fãs aqui, adicione-a aos seus favoritos, e participe ativamente! Envie sua sugestões de perguntas para o nosso e-mail (aqui) ou deixe sua sugestão nos comentários. Você poderá ser o próximo!

4 comentários:

  1. Adoreiiiii.Amor verdadeiro e com ctz recíproco Bjos Sandra Simão

    ResponderExcluir
  2. Sem palavras!!.... TO EMOCIONADA! OBRIGADA POR TUDO RAQUEL, SEM VOCÊ NÃO SOMOS NADA. (;

    ResponderExcluir
  3. Raquel, muito lindo seu sentimento e dedicação. Apenas ao ler dá pra sentir a imensidão desse amor!

    ResponderExcluir

LEIA AS REGRAS:
Todos os comentários são lidos e moderados previamente.
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto do post;
- Ofensas ao dono e aos leitores não são aceitas;
- Os artistas citados no texto não podem sofrer nenhum tipo de ofensa nos comentários;
- Deixe o link do seu blog para que eu possa visitá-lo.

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do blog.

Obrigado pela visita, volte sempre!!

 
Back to top!